30 . maio . 2017

Olá, pessoas, tudo bom com vocês? No vídeo de ontem do canal falei um pouco sobre o livro Boa Noite, da linda, Pam Gonçalves.



Vamos falar um pouco mais sobre o livro? Vamos!

Boa Noite, traz a história da Alina, uma menina meio nerd, meio tímida, com falta de personalidade ao mesmo tempo uma personalidade fascinante e forte, meio como todas nós, não é mesmo?
Mas como todos os seres, Alina amadurece, cria novos pensamentos, novas ideias, novos objetivos, e acompanhar o amadurecimento dela, me fez pensar no meu próprio, em como realmente nossa personalidade muda ao decorrer dos anos, em como o tempo, as pessoas que conhecemos no caminho, experiências que vivenciamos, absolutamente tudo molda quem você é e quem você se torna.

Mas muito além de acompanhar a vida da Alina, Boa Noite nos trás uma reflexão, sobre feminismo e feminilidade, sobre abusos que ocorrem na nossa realidade, nas nossas faculdades, nas nossas vidas. Tanto o abuso de bebidas, de substâncias, como o nome do livro nos trás a referencia, não é?

O que mais gostei do livro é que a escrita da Pam é super fluída, te leva para a realidade da personagem com maestria e nos deixa sempre querendo um pouco mais, até mesmo quando o livro acaba.
Porém, apesar de tratar de assuntos delicados e talvez um pouco pesado, ela narra tudo com uma delicadeza que nos faz ficar com o coração quentinho, apesar de tratar de um assunto tão terrível.
Assunto esse, que é claro que tem que ser abordado, discutido, exposto em todos os lugares, mas o cuidado de não transformar isso em um discurso, ou transformar a história em uma forma de protesto, mas sim em uma história que poderia acontecer com qualquer uma de nós, e mostrar que, sim, somos fortes e determinadas e nada pode mudar isso, ah, é isso que deixa o livro interessante.

Outra coisa maravilhosa é que todos os personagens tem o seu papel ali muito bem definidos e com finais muito bem acabados, cada um tratando de temas que ocorrem no nosso dia-a-dia, e outros, que são tratados por parte da sociedade como coisas diferentes que são dignas de preconceitos (pensamentos escrotos, claro!) estão ali presentes e devidamente representados, parabéns, Pam!

Bom, esses são um pouquinho dos meus pensamentos sobre o livro, espero que muitos possam ler e amar o livro como eu.

Postado por: | Categorias: Livros, Youtube Comentários Nenhum Comentário


 

Deixe um comentário <3'